>

31/03/2021

TRE PI: autorizado concurso para técnicos e analistas. Níveis médio e superior

Agora é oficial. O novo concurso TRE PI (Tribunal Regional Eleitoral do Piauí) foi efetivamente autorizado em sessão realizada na tarde da última segunda-feira, 29 de março. O certame já conta, inclusive, com comissão formada, com os nomes dos membros indicados na ocasião. Embora o número de vagas ainda não esteja definido, a expectativa é de que sejam reservadas pelo menos 8 vagas, para os cargos de técnico e analista judiciário, que pedem, para ingresso, respectivamente, ensino médio e nível superior. As remunerações iniciais são de R$ 7.591,37 para técnicos e R$ 12.455,30 para analistas. Novas informações devem ser confirmadas em breve.

Uma vez formada a comissão, o próximo passo é dar início ao processo de escolha da banca responsável pela aplicação das provas. Somente após este procedimento será possível definir quando o edital de abertura de inscrições poderá ser efetivamente públicado.

Das oito vagas inicialmente previstas, uma é para o cargo de analista e sete para técnicos. As respectivas áreas de atuação ainda deverão ser confirmadas pelo órgão.

A comissão será presidida pelo servidor Tadeu Almeida Martins e conta, ainda, com os seguintes membros: Luciana Vilarino da Rocha Nunes, Gabriel Lima e Sheila Maria Araújo, além de Veranice da Silva Torres. Como suplentes, o grupo conta com os servidores Ivo Farias Cavalcante e Adriana Barbosa.

Concurso TRE PI: saiba como foi a última seleção

O último concurso TRE PI ocorreu em 2015. A oferta inicial foi de 12 vagas imediatas, além de formar cadastro reserva de pessoal. A banca organizadora, na ocasião, foi o Cebraspe.

Do total de postos iniciais, sete foram para técnicos judiciários, sendo seis para a área administrativa e uma para a área de programação de sistemas. A seleção também foi para formar cadastro reserva de pessoal para a área de operador de computadores.

Para analistas foram cinco de analistas, sendo uma na área administrativa, uma para a área de taquigrafia e três para a área judiciária, além de formar cadastro reserva de pessoal para a área de análise de sistemas.

Para todos os cargos, a prova objetiva contou com 70 questões, sendo 30 de conhecimentos gerais, com peso um, e 40 de conhecimentos específicos, com peso três.

Somente para analista na área de taquigrafia também ocorreu prova prática e para os demais cargo, prova discursiva.

Para todos os cargos, a parte de conhecimentos gerais contou com temas sobre língua portuguesa, noções de informática, normas aplicáveis aos servidores públicos federais, noções de administração geral, regimento interno do TRE PI e código de ética do TRE PI.

Fonte: JC Concursos
Tags:

Mensagem enviada com sucesso