>

03/10/2019

Hemope: Iaupe organizará próximo concurso. Edital em breve

Edital próximo. A Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco vai abrir um novo edital de concurso público (Concurso HEMOPE 2019). A expectativa é que o edital não demore de ser publicado, uma vez que os preparativos do edital já foram iniciados. A banca organizadora do certame, por exemplo, já foi definida: o Instituto de Apoio à Fundação Universidade de Pernambuco (Iaupe) vai organizar o certame.

A banca organizadora vai receber as inscrições, aplicar as etapas do concurso, como provas objetivas, divulgar os gabaritos, resultados, entre outros atos pertinentes ao concurso. Agora, o próximo passo será a assinatura de contrato entre o órgão e o IAUPE.

Após fechamento do contrato, a Hemope deve fechar os últimos detalhes com a banca organizadora, como o cronograma das atividades e etapas da seleção. O quantitativo de vagas do certame ainda não foi revelado, bem como os cargos e salários que serão contemplados. A expectativa é que o edital tenha vagas para o quadro de pessoal efetivo, cujo método de contratação é o regime estatutário.

A Fundação conta, atualmente, com 1.319 servidores, sendo 135 médicos. Sem cadastro de aprovados em concursos, o órgão não pode realizar novas contratações para suprir as carências deixadas por aposentadorias de servidores, mortes, exonerações e desligamentos em geral.

Último edital

O último concurso público realizado pela Hemope foi divulgado em 2013. Na ocasião, o certame contou com 111 vagas para cargos de ensino fundamental, médio, técnico e superior, com salários variando entre R$651 e R$5.995. A jornada poderia ser de 20 ou 30 horas, a depender do cargo.

O concurso contou com provas objetivas com 50 questões de múltipla escolha, distribuídas entre as matérias de Português, Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos. Além disso, ainda houve uma prova de títulos.

A Hemope chegou a abrir um edital de processo seletivo em 2017 para preencher 03 vagas no cargo de Médico Pediatra. O salário foi de R$4.599,00 (20 horas semanais).

Sobre

A Secretaria de Saúde de Pernambuco é o órgão gestor do Sistema Único de Saúde no Estado. Sua missão, conforme o decreto do governador (Nº 32.823/08), “é planejar, desenvolver e executar a política sanitária do estado; orientar e controlar as ações que visem ao atendimento integral e equânime das necessidades de saúde da população; exercer as atividades de fiscalização e poder de polícia de vigilância sanitária; e coordenar e acompanhar o processo de municipalização do Sistema Único de Saúde”.

A SES-PE é o maior órgão do Governo do Estado e a segunda maior secretaria estadual de saúde do Brasil, atrás apenas da pasta similar do Rio de Janeiro. Em sua estrutura, esta Secretaria administra diretamente 57 centros de atendimento médico, entre hospitais, 15 UPAs e 9 UPAEs, além de 29 unidades da Farmácia de Pernambuco. A rede ainda conta com o Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco Governador Miguel Arraes (Lafepe), Laboratório Central de Pernambuco (Lacen), Fundação Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco (Hemope), Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa), Central de Transplantes, Programa Nacional de Imunização e Serviço de Verificação de Óbito (SVO).

Ao todo, mais de 30 mil trabalhadores atuam na SES, dos quais 25 mil são efetivos (1,5 mil no Nível Central). As unidades e órgãos vinculados à SES estão distribuídos em 12 Gerências Regionais de Saúde e beneficiam, com seus serviços, 7,5 milhões de pernambucanos – aproximadamente 88% da população do Estado – que têm no SUS seu único plano de saúde.

Fundada em 1949, com o nome de Secretaria de Saúde e Assistência Social, a instituição teve como primeiro secretário o médico e cientista Nelson Chaves, um estudioso da desnutrição infantil no Nordeste. Em 2010, o órgão ganhou uma nova e moderna sede, no bairro do Bongi (zona oeste do Recife), após mais de 40 anos funcionando na Boa Vista, no Centro da Capital.

Fonte: Notícias Concursos
Tags:

Mensagem enviada com sucesso