>

22/10/2020

PCRN: FGV organizará próximo concurso para Delegado, Agente e Escrivão.

A Fundação Getulio Vargas (FGV) é a banca organizadora do concurso PC RN. O documento que oficializa a empresa à frente da seleção da Polícia Civil do Rio Grande do Norte foi publicado nesta quinta-feira, 22, no Diário Oficial do Estado.

De acordo com a dispensa de licitação, o termo possui o valor de R$5 milhões, sendo R$2 milhões para o exercício 2020 e R$3 milhões para o exercício 2021. Desta forma, fica a FGV escolhida como banca.

Clique aqui e fique por dentro de todas as novidades com relação
aos concursos da área de segurança.

O próximo passo é a publicação do contrato entre as partes. O edital deve sair até o próximo dia 31 de outubro, conforme prazo estabelecido no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com o Ministério Público.

O concurso PC RN terá 301 vagas, sendo: 47 para delegado, 230 para agente e 24 para escrivão.

Todos os cargos têm o nível superior como requisito. No entanto, no caso do delegado, é preciso ter a graduação concluída em Direito.

Resumo do concurso
Órgão: Polícia Civil do Rio Grande do Norte
Cargos: agente de polícia, delegado e escrivão
Vagas: 301
Requisitos: nível superior
Remuneração: R$4.731,91 (agentes e escrivães) e R$16.670,59 (delegado)
Banca: Fundação Getulio Vargas (FGV)
Edital: até dia 31 outubro de 2020

Concurso PC RN terá mais aprovados

Na última quarta-feira, 21, a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, sancionou a Lei Complementar nº 673, que altera a Lei Orgânica e o Estatuto da Polícia Civil, favorecendo assim mais aprovações no concurso PC RN.

Pela Lei:

“Serão convocados para participar do Curso de Formação Profissional Policial, quinta etapa do certame, até três vezes o número de vagas constante do edital do concurso público deflagrado, compreendido neste os candidatos habilitados até a quarta etapa do concurso, de acordo com o cargo objeto de inscrição”.

Desta forma, o governo prevê que possam ser convocados para o curso de formação até três vezes o número de vagas no edital.

Sendo assim, 903 candidatos podem ter chances de efetivação na Polícia Civil do Rio Grande do Norte.

Além disso, com a nova Lei, o governo retira da Lei Complementar nº 270/2004 um dispositivo que previa que somente seriam corrigidas as provas discursivas dos candidatos habilitados na objetiva, dentro de até cinco vezes o número de vagas do edital.

Em entrevista em setembro, a delegada-geral Ana Cláudia Saraiva antecipou que, além das 301 vagas, mais aprovados serão convocados para a realização do curso de formação.

O número de candidatos na reserva, no entanto, não foi definido. Segundo a delegada, há um limite para este chamamento e um planejamento orçamentário a ser realizado.

“A expectativa é que, após o edital, em um prazo de 240 dias, nós possamos receber o pessoal já recrutado para o curso de formação”, disse a delegada.

Em maio deste ano, os salários iniciais e finais passaram por reajustes. Desta forma, a partir do dia 1º de novembro os profissionais passarão a contar com os seguintes vencimentos.

Salário Inicial Salário final
Delegado R$16.670,59 R$25.632,97
Agente R$4.731,91 R$10.468,63
Escrivão R$4.731,91 R$10.468,63

Provas estão previstas para o início de 2021

As provas objetivas do concurso PC RN estão previstas para o início de 2021. A afirmação foi feita pela delegada-geral em setembro, durante entrevista à Rádio Cidade.

Segundo Ana Cláudia, apesar da previsão, não é possível anunciar as datas com precisão porque, após a assinatura do contrato entre a PC RN e a FGV, a banca terá um prazo para aprontar as provas e para receber as inscrições.

Somente após a publicação do edital é que as datas serão reveladas aos candidatos. Ainda durante a entrevista, a delegada revelou que o concurso PC RN contará com as seguintes etapas:

– provas objetivas;
– teste físico;
– psicotécnico;
– curso de formação.

Fonte: Folha Dirigida
Tags:

Mensagem enviada com sucesso